“Sinto muito mais não vou medir palavras…

Não se assuste com as palavras que eu disser…”

Sabe que cada vez que eu vejo o orkut de uma certa pessoa eu fico mais injuriada?? A coisa que eu mais tenho raiva nessa vida é de gente sínica, que se acha e se gaba de pequenas conquistas insignificantes… Tem “um certo alguém” (vamos por assim), que eu conheço e que fica sempre se gabando porque tem um emprego, mas o grande esforço que essa pessoa fez pra consegui-lo sabe qual foi? Nenhum, apenas conhece alguem bem próximo que lhe deu um emprego só porque é parente. Sabe, eu posso até estar errada e ser taxada de muita coisa como recalcada, invejosa, e tudo, mais eu acho que o que mais vale na vida, em todas as conquistas que a gente alcança (inclusive o primeiro emprego e a faculdade) é o esforço que a gente faz pra conseguir estas conquistas. Afinal, é bem comodo que você simplesmente peça um emprego pra um parente, eu valorizo as pessoas que saem de porta em porta de lojas e estabelecimentos pedindo, correndo atrás, assim como aquelas que se esforçam pra fazer a melhor faculdade, pra passar nos melhores vestibulares, eu admiro pessoas esforçadas, que não se contentam com um empreguinho dado por um parente melhor de vida, com uma faculdade mais ou menos só porque é mais fácil de entrar. Eu não digo que eu sou essa pessoa, gostaria muito de ser bem melhor do que eu sou, eu não digo que não houve esforço da minha parte durante minha primeira graduação, mais pra mim ainda não foi suficiente, ainda quero muito mais, quero minha segunda graduação, quero minha terceira graduação em pedagogia talvez, quero minha pós, aliás, duas, uma pra graduação de gastronomia e outra pra de história, e meu mestrado e meu doutorado, e vou lutar pra isso custe o que custar. Pra essa pessoa do meu orkut que tem a vida fácil, que não lutou nada pra estar onde estar eu desejo que seja feliz, mais sinto muito que essa pessoa não sinta a sensação de vencer, porque quem consegue tudo o que quer com facilidade, sem correr atrás, sem lutar não sente a sensação da vitória, assim como diz brilhantemente em uma linda canção a Simone, Migalhas:

Quem começa um caminho pelo fim, perde a glória do aplauso na chegada…

Diz tudo! Não to dizendo que um pouco de facilidade na vida não ajuda, pelo contrário, ajuda muito, mais sempre acaba viciando, e as pessoas que desfrutam dessa facilidade continua não conseguem mais ir atrás dos sonhos pelas próprias pernas! Eu vou devagar, mais na chegada tenho certeza que vou ter a glória dos aplausos, não vou ser mais uma trabalhadorazinha mediocre desse mundo, como todos são, vou fazer a diferença e tenho fé nisso, ponho todas as minhas fichas na educação e pra essa área vou me dirigir e mostrar que se destaca quem faz a diferença e que os mediocres ficam pra trás! Desculpe pelo desabafo, mais é que não posso deixar de registrar minha indignação diante de tanta mediocridade e mesquinharia que eu sou obrigada a conviver! Mais acho que por hoje é só…Um beijo aos meus leitores e até a próxima! Boa noite!

Sem categoria

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s