Decepção é quando você risca em algo ou em alguém um xis preto ou vermelho…

Nunca achei que viesse a saber o que é decepção. Ela tardou, mais chegou. Porque nos decepcionamos com uma pessoa, com uma situação, com a vida? O que eu sei é que a decepção é um sentimento frustrante, a sensação que mais me entristece. Será que foram criadas expectativas altas demais? Ou será que as expectativas eram normais e mesmo assim atraíram a decepção? Será que é a tal da ansiedade, que nos faz querer tanto que algo aconteça que quando não acontece a gente fica assim? Ou então tem a ver com sermos exigentes demais e por isso acabamos exigindo dos outros coisas que nem nós mesmos podemos fazer? Não importa, o que acontece é que a decepção vem e pronto. Os motivos agora já não importam mais. O que se há de fazer quando estamos frente à temida decepção? Reagir e deixar de se acomodar frente a decepção, afinal o mundo que nos rodeia é exigente e  não tolera a insatisfação, não tolera tristezas, esse mundo nos quer lindos, contentes, sorrindo, arranjados, elegantes, perfeitos, e todos nos pedem pra reagir.

E nós, envolvidos num manto negro de tristeza, de amargos na boca, de nós no estomâgo, de dedos das mãos frios, de joelhos ligeiramente a quebrar, ficamos perplexos a olhar para toda aquela gente que nos diz “não é nada!”. Não é nada???! Mas não percebem, que para nós É TUDO!Que houve uma derrocada de terras, por cima da nossa boca, que houve uma inundação de líquidos salgados, que nos deixou molhados de suores frios, que o nosso coração saltou, mexeu-se, como se de um sismo se tratasse e nos deixou com taquicárdia, que houve um corte a meio dos nossos pulmões, e os pôs a trabalhar em limites mínimos, que sentimos o sangue a parar nas veias e que fomos invadidos por um vento frio e quente, que levantou todas as areias no ar que  nos sufocam e nos cegam? Pois, não vêem isto?Faltam as lágrimas? Ah, as lágrimas, as piegas lágrimas, que comovem os outros….. Mas olhem, os decepcionados não choram por fora, choram por dentro! Choram, choram, choram, até ficar secos, como um solo africano, seco, ressequido, morto….

Deixem-nos enterrar uma decepção, como se de um corpo morto se tratasse, deixem-nos enviuvar, chorar aquilo que nunca acontecerá, que nunca iremos possuir, deixem-nos cair no chão (não nos levantem, por favor!), de pernas e braços abertos deixem-nos gritar, gritar muito para que saiam os espíritos malígnos que nos envenenam, deixem-nos enlouquecer, perder o juízo, falar sózinhos, deixem-nos sair para a rua de robe e chinelos como um velho senil, deixem-nos estar sós, desgrenhados e sem comer, deixem-nos fugir (não vão à nossa procura, por favor!) e se quisermos deixem-nos morrer.

Apesar de todo o sofrimento os decepcionados hão de sobreviver…
Desculpem o desabafo…eu precisava disso!!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s